sábado, julho 12, 2014

Verbos no Pretérito Informal


Olá, pessoal, agora, vamos ver uma aula, desta vez fiz uns slides bem legais para melhor explicar, que fala respeito dos verbos no pretérito informal (passado).  No link abaixo tem o arquivo no Mega onde podem baixar o slide, espero que gostem! ^-^

segunda-feira, julho 07, 2014

Notícia - Tufão está chegando ao Japão!

Um Tufão, chamado Neoguri está chegando ao Japão e está ficando cada vez mais intenso, quando chegar perto de Okinawa ele poderá ser classificado como "devastador"! Confira notícia inteira:



Tóquio - O tufão número 8, chamado Neoguri (ノグリー), foi classificado pela Agência Meteorológica do Japão como um dos mais fortes da história recente do país. O fenômeno climático está cada vez mais intenso e pode chegar ao nível "devastador" (mouretsuna, 猛烈な) nesta terça-feira, quando se aproximar de Okinawa.

A gravidade do tufão fez a Agência Meteorológica convocar uma coletiva de imprensa de emergência na manhã desta segunda-feira para divulgar a possível emissão de um alerta especial à noite. Segundo o órgão, ventos fortes e chuvas intensas estão previstos para os próximos dias em praticamente todo o Japão.

Atualmente, segundo um boletim divulgado às 9h45, o tufão se desloca no sentido noroeste, para o sul de Okinawa, a uma velocidade 20 quilômetros por hora. Há ventos sustentados de até 180 km/h (50 m/s), com picos de até 252 km/h (70 m/s).

Nesta terça-feira, segundo a Agência Meteorológica, o tufão pode atingir o nível de "devastador" e adquirir ainda mais força, chegando a ter ventos sustentados de até 198 km/h (55 m/s), com picos de até 270 km/h (75 m/s).
Fonte: Alternativa Online

Vamos torce para que não aconteça nada de mais por lá! :)

頑張って日本! - Força, Japão! 

quinta-feira, junho 26, 2014

Como dizer "eu acho..." ou "eu penso que..." em japonês?


Olá, pessoal, hoje vou fazer um post mostrando como dizer, o que nós usamos muito o "eu acho..." e/ou o "eu penso que...", é simples e, sabendo a forma informal dos verbos fica tudo mais fácil ainda!

Simplesmente siga esta fórmula:

VERBO NA FORMA DE DICIONÁRIO (presente informall) + TO OMOU / TO OMOIMASU

Veja um exemplo:
行く + と思う = 行くと思う ou 行くと思います
iku + to omou = iku to omou ou iku to omoimasu
ir + partícula to e o verbo pensar = acho que vou ou penso que vou

Vejamos como fica numa frase usando a forma informal:
私は学校を休むと思う
watashi wa gakkou wo yasumu to omou.
Eu acho que faltarei da escola.

Agora com a forma formal:
この本は新しいと思います
kono hon wa atarashii to omoimasu.
Acho que este livro é novo.

Na frase acima, como puderam ver, não foi preciso o verbo です / だ, pois com adjetivos-i ele não é necessário, agora, com os adjetivos-na é preciso sim. Observe:

彼は親切だと思います
kare wa shinsetsu da to omoimasu.
Acho que ele é atencioso.

*Como 親切(な)é um adjetivo-na, coloca-se o だ no final, lembre-se: nunca o です, sempre o だ, depois acrescenta-se o と思います ou と思う.*

Se quiser dizer a frase no passado, na forma negativa ou no passado negativo, apenas conjugue o と思う ou と思います. O verbo que vem antes da partícula と é imutável









segunda-feira, junho 23, 2014

Como é o Kumon?!

Olá, pessoal, aqui vou falar um pouco do curso. Quem tiver perguntas a mais e que não forma respondidas aqui, por favor, comentem! :)



Como é o curso do Kumon?
Bem, o Kumon foca num estudo individualizado, ou seja, é você com você, mas aí você se pergunta: "E a professora, para que ela serve?". Simples, ela está ali para conferir sua pronúncia, ou seja, se você está falando corretamente as palavras ou se precisa de algo para melhor, e também para sanar todas as suas dúvidas (ou a maioria). E claro, para corrigir os exercícios.
No Kumon, você pega seu material e faz os exercícios que derem para ser feitos no tempo de sua aula. A professora não vai te explicar nada, pois, você vai ler os exemplos e as explicações contidos no material e assim aprender!

Tem tarefa de casa?
Digamos que sim.
Lembram que eu disse que você pega o material na unidade? Pois então, você ganha uma quantidade para fazer até o dia que você vai voltar para lá, ou seja, um para cada dia que você não vai ao Kumon. Você vai fazer a tarefa em casa e quando voltar, vai lê-la para a professora e ela vai corrigir.

É preciso ter um caderno para redações?!
Bem, não sei como é em outras unidades, mas na minha, tenho que ter um sim, não é, necessariamente, para redações, mas sim, para escrever algumas frases ou pequenos textos para treinar o que você está aprendendo!

Como são as apostilas ou livros?
No Kumon não há nem um nem outro. São pequenos bloquinhos de folhas (dez no total) que contém exercícios e uma simples explicação, facilmente entendida por qualquer um. Normalmente o estilo dos exercícios mudam a cada dois ou três estágios, porém, às vezes têm alguns parecidos.

Como funcionam os estágios do Kumon?
Simples e adoro falar sobre eles! Tudo começa no 4A, onde você aprende a ouvir e ler palavras, mesmo sem saber o hiragana e depois vai avançando e aprendendo os silabários. Depois você vai indo e seguindo a ordem: 3A, 2A, A, B, C, D, E, F (até aqui é o básico), G, H, I (até aqui, o intermediário), J, K e L (e aqui, o avançado). Ah, isso no Nihongo, ou seja, no japonês para estrangeiros, a primeira parte do curso. O Kokugo, que é o japonês para japoneses e contém materiais todos escritos em japonês e é meio que uma revisão, mas bem mais detalhada!

Onde posso achar uma unidade?
Aqui, neste link você pode pesquisar e ver se tem um unidade com japonês em sua cidade ou alguma próxima.

Qual é o preço do curso e dos materiais?
Falar do preço do curso é tanto quanto difícil, pois, varia de lugar para lugar, um amigo meu paga em torno de R$250 no Rio, e eu, aqui no interior de SP pago R$150, portanto, isso varia mesmo! Já o material, ele é gratuito!

Há algum tipo de CD?
Sim, há um CD e ele é muito cobrado pela professora, pois, é com ele que você aprende a pronúncia e pega as manhas da língua!

Qual a duração do curso?
Bom, como ele é baseado no aluno (você determina seu ritmo), ele não tem uma duração fixa, ou seja, você só sai de tal estágio quando conseguir dominar bem o que ele passou. Mas minhas professora disse uma vez, que ele dura mais ou menos dois anos e meio a três anos (ou três e meio a quatro, não me lembro ao certo), claro, terá essa duração se você for passando direto e fazendo todas tarefas corretamente e repetindo o necessário.

Há prova?
Sim, há. Não se preocupe, não é algo impossível como são algumas da escola ( '-' ), elas são fáceis e somente aparecerá o que você aprendeu, com trechos e frases que foram vistas no decorrer do estágio, mesmo assim é bom estudar um pouco um ou dois dias antes da prova!

Bom, é isso, estarei respondendo outras perguntas nos comentários! :)

sábado, junho 21, 2014

Sem Verbos Não Somos Nada #1

Nos kanjis: 動詞 doushi - verbo
Sei que fiquei muito tempo longe e, a partir de hoje, quero começar um novo blog, calma, calma, não vou me desfazer deste e criar outro. Apenas vou continuar com esse de um modo diferente. Sempre quis ensinar as pessoas da internet a como escrever, falar e ler em japonês, mas, a partir de agora, vou focar mais em ensinar algumas coisas em especial, darei também dicas e, principalmente, tentarei aumentar o vocabulário de vocês! ^-^

Hoje vou passar uma lista de verbos para vocês, lógico, visando sempre aumentar o vocabulário, aliás, sem verbos, não somos nada! xD Tentem decorar os verbos, façam cartões com eles escritos em japonês e sua tradução, ou então, inventem uma música ou brincadeira com o som da palavra para que possam decorar mais facilmente.

Vou até dar um campeada (como dizia minha mãe) no meu material do curso para ver se acho verbos realmente bons para vocês! ;)

割る - waru - quebrar
覚える - oboeru - memorizar
残る - nocoru - sobrar
頼む - tanomu - pedir
驚く - odoroku - assustar-se
欲しがる - hoshigaru - querer (somente para a terceira pessoa)

São poucos, mas irei dar alguns exemplos com eles. Exemplos práticos para que possam compreender como o verbo funciona.

① 割れる  われる  Quebrar

≫ 私はカップを割りました
≫ Eu quebrei o copo.


② 覚える  おぼえる Memorizar

≫ 漢字は覚えにくいです。 (*)
≫ Kanjis são difíceis de memorizar.


③ 残す  のこす Sobrar

≫ 私達は食べ物を残しません。
≫ Nós não deixamos sobrar comida.


④ 頼む  たのむ Pedir

≫ 彼はカレーライスを頼みました。
≫ Ele pediu arroz com curry.


⑤ 驚く  おどろく Assustar-se

≫ 彼女が驚きました。
≫ Ela se assustou.


⑥ 欲しがる  ほしがる Querer

≫ 田中さんが新しい本を欲しがります。
≫ O senhor Tanaka quer um livro novo.

(*) - A forma verbal "raiz da forma ~masu" (oboe no caso) + nikui, indica que algo foi difícil de se fazer, outra exemplo: 読みにくい (yominikui), ou seja, difícil de ler.

Bom, é isso por enquanto, espero que leiam e que gostem! ^-^
Em breve vou postar mais, pretendo voltar nessas férias com o blog, portanto, conto com vocês! ^-^

domingo, abril 27, 2014

Vocabulário #8


Olá pessoal, acabei me dando uns dias de férias a mais e esqueci um pouco do blog, mas estou voltando e trouxa para vocês hoje quarenta palavras novas (ou não), perdoe-me se eu já tiver ensinado alguma! ;)

Façam bom proveito!

Em "Choose a Study Mode" você pode variar o seu aprendizado com "jogos" para aprender mais rápido!

quarta-feira, abril 02, 2014

Nova Página do Blog


Então pessoal, há um tempo eu estava com uma vontade criar uma página a mais para que as pessoas pudessem aprender mais e mais com ela, portanto, depois de um tempo pensando, surgiu a Kanji Everywhere, uma página onde sempre postamos kanjis, com leituras, observações e vocabulário! :)

Claro, que sozinho eu não iria dar conta de uma página sozinho, portanto convidei o Romário, um amigo que faz parte do grupo do blog no Facebook. Ele e eu iremos postar kanjis todos os dias, exceto nos finais de semana, onde iremos fazer alguma coisa que não pensamos ainda! xD

Conto com vocês para o engrandecimento da página e que vocês possam nos ajudar a melhorá-la cada vez mais! ;)

LINKS:
 ~ Página do blog no Facebook
 ~ Kanji Everywhere
 ~ Grupo do blog no Facebook

~ よろしくね!
 
Copyright © 2013 日本語学校 - Traduzido Por: Templates Para Blogspot
Design by FBTemplates | BTT